Armadura de Deus: Capacete da Salvação!

Nossa mente é um campo de batalha constante, que precisa estar preparada para vencer, por isso é necessário essa peça da Armadura de Deus: Capacete da Salvação!

Pois se a mente não estiver segura e firme, certamente o corpo e a alma sofrerá dano…

Mas, como usar o Capacete da Salvação?

Nesse artigo, você encontrará todas as respostas e aprenderá a usar essa peça tão importante da Armadura de Deus!

Onde Está Escrito do Capacete da Salvação na Bíblia?

O apóstolo Paulo, enquanto estava preso, inspirado pelo Espírito Santo, descreveu sobre a armadura dos soldados romanos de sua época, e destacou:

“Tomai também o capacete da salvação, (…)”

(Efésios 6:17)

Essa peça da armadura em especial trás consigo um nome muito importante e relevante para todo cristão: Salvação!

Pois tudo começa na mente, que é o local onde as intensões, planos, e todos os projetos são arquitetados, tanto para o bem, como para o mal.

Como até dizia um sábio: “Tudo é criado duas vezes, e a primeira delas é dentro da sua cabeça.”

O termo “capacete” geralmente é definido como um objeto de proteção usado na cabeça para proteger contra impactos ou lesões.

Ou seja, além de proteger de possíveis graves lesões, provenientes de ataques com lanças, flechas ou espadas, também protegiam de impactos, que dependendo da força poderia ser fatal.

Como Eram os Capacetes dos Soldados Romanos?

Como-Eram-Os-Capacetes-Dos-Soldados-Romanos

Os capacetes romanos do primeiro século eram predominantemente feitos de metal, principalmente de bronze ou ferro.

Além disso, alguns modelos de capacetes tinham abas que protegiam as bochechas e o pescoço, aumentando ainda mais a proteção oferecida

Aqui estão alguns dos principais modelos de capacetes usados pelos soldados romanos:

  1. Gálea: Era um capacete comumente usado pelos soldados romanos durante a República e o início do Império, feita de metal com abas que protegiam as bochechas e o pescoço. Geralmente tinha uma crista no topo, que poderia ser decorativa ou funcional para aumentar a resistência contra golpes.
  2. Cassis: Era um tipo de capacete mais pesado, usado por legionários romanos. Era feito de metal e cobria toda a cabeça, proporcionando proteção adicional. Geralmente tinha uma aba na parte de trás para proteger o pescoço e as orelhas.
  3. Montefortino: Era um tipo de capacete usado por soldados romanos no período inicial da República Romana, feito de bronze e tinha uma forma cônica com uma aba na parte de trás para proteção adicional.
  4. Coolus: Era um tipo de capacete usado pelos soldados romanos durante o final da República e início do Império e tinha uma forma mais arredondada, feito de bronze. Também tinha abas para proteger as bochechas e o pescoço.

Portanto, esses são apenas alguns dos modelos de capacetes mais usados pelos soldados romanos do primeiro século.

Qual o Significado do Capacete da Salvação?

Qual-O-Significado-Do-Capacete-Da-Salvação

O Capacete da Salvação é uma decisão comportamental, que serve para nos protegermos contra todos os pensamentos nocivos à Alma.

Pois os pensamentos são frutos de sementes, que todos nós semeamos, todos os dias, seja de forma correta ou não.

Portanto, quando você decide blindar às entradas de sua mente, daquilo que é corrupto, imoral, pecaminoso, estará colocando essa peça da Armadura de Deus: Capacete da Salvação!

E quais são as principais “entradas da mente”?

São os nossos olhos e ouvidos!

Pois tudo o que vemos e ouvimos, gerará em nossa mente algum pensamento, ideia, ideologia, opinião, iniquidade, etc.

Uma pergunta muito importante, que você precisa fazer agora pra si, é a seguinte:

O que está entrando na minha mente?

Diante dessa pergunta, avalie os programas de tv que assiste, os perfis das redes socias que segue, as músicas que ouve, as conversas virtuais ou pessoais que participa, etc.

Se notar coisas impuras, coloque o Capacete da Salvação e decida mudar!

E há casos em que será necessário ser um pouco radical…

Mas todo sacrifício é pouco para agradar à Deus de fato e de verdade!

Não é mesmo?

Portanto, após blindar a sua mente contra as coisas mundanas e/ou carnais, é o momento de alimentar a sua mente com o que é bom e faz bem à alma.

Como o apóstolo Paulo orientou 3 igrejas em sua época.

A igreja em Roma, em Filipos e em Colosso:

“E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

(Romanos 12:2)

“⁸ Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.

⁹ O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, isso fazei; e o Deus de paz será convosco.”

(Filipenses 4:8,9)

“Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra;”

(Colossenses 3:2)

Ou seja, após a proteção da mente estabelecida contra pensamentos das trevas, é necessário uma renovação com pensamentos da Luz!

Como Não Perder o Capacete da Salvação?

Logo após colocar o Capacete da Salvação, você perceberá sua mente mais leve e pura.

Mas o que vai garantir uma mente forte, pura e constante nas coisas de Deus até o último dia?

Como ter a certeza de que durante a batalha espiritual, esse capacete não caia?

Somente há um maneira:

Recebendo a Mente de Cristo, através do Espírito Santo!

E é assim mesmo, que o apóstolo Paulo orientou, com sua primeira carta, à igreja em Corinto:

“¹⁰ Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus.

¹¹ Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus.

¹² Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus.

¹³ As quais também falamos, não com palavras que a sabedoria humana ensina, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais.

¹⁴ Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.

¹⁵ Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido.

¹⁶ Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo.”

(1 Coríntios 2:10-16)

Você já colocou essa peça da Armadura de Deus, o Capacete da Salvação?

Mas, também, já recebeu o Espírito Santo, que trás a Mente de Cristo?

Pense nisso…

Que Deus Abençoe a sua vida!

Compartilhe e abençoe alguém também…

0 0 votos
Avaliação do Artigo
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários
0
Adoraria sua opinião, por favor, comente.x
Rolar para cima